domingo, 17 de janeiro de 2016

O Amor & A Arte



A arte é sensual. O domínio da expressão é o controle da sexualidade. O empenho em projetar as emoções formula um amante genioso. A intensidade do amar está correlata à capacidade de entregar-se aos sentidos alheios sob as diversas possibilidades que o estímulo evocar. Sobretudo, o interesse que se deposita no ato é o que qualifica e consagra a experiência, tanto artística como amorosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários?