quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Intimidade


Para mim intimidade é o ponto de um processo onde as expectativas em relação ao outro coincidem com a perspectiva do outro sobre si mesmo, de forma que o que se espera da pessoa é exatamente o que ela está disposta a oferecer.

Acho que a poesia do relacionamento humano está nos silêncios agradáveis, estes indícios de que há alguém contemplando as palavras mais ingênuas, escutando o simples e se deliciando com pouco. São as pausas que ditam o timbre, é a sensibilidade que dosa o verbo, destila os eus. É preciso ouvir para aprender a escutar. De outra forma, burburinho.

Transubstanciação

O processo de tornar um Cubo em uma Esfera exige aparar bem as arestas e ir limando-as gentilmente até que elas se dissolvam em uma curva perfeita, contínua e uniforme. Às vezes é preciso um pouco mais de firmeza, outras vezes, delicadeza, mas é preciso sempre ter em mente a figura sublime da Esfera para que não se passe do ponto e a reduza demais.
Desapegar-se das pontas é ater-se ao essencial.


terça-feira, 16 de agosto de 2016

Quando o Reflexo é Opaco

O hipócrita
posto frente ao espelho
critica a paisagem que o cerca.

A Sorte Fixa



- O homem que ousa conhecer seu futuro passa a possuir muito mais responsabilidades do que os demais. O tempo é instável, somos nós que nos desdobramos no espaço: um futuro medíocre é o retrato do que fizemos conosco. Conhecer o futuro é conhecer a nós mesmos a longo prazo. Você tem coragem de desvelar a sorte, que uma vez descoberta se dispõe ao mau tempo?
- Cuidei de cada deslize e varri o azar, não há sorte torta que me assedie.
- E o que você espera do futuro, filho?
- Exatamente o que ele reservar para mim. Sem mudar uma linha sequer.
- E por que acessá-lo então? Me parece que você já sabe tudo o que precisa.
- Não por confirmação. Eu vim para selar o meu destino. Para que uma vez aberto perante os olhos de outrem, que seja o que é.
- O comprometimento é a contraparte da tentação, você sabe. Portanto cuide de sua determinação. Sob o sol do meio dia a sombra é pontual.
- Obrigado. Assim é. 
- Bendito seja. E que você saiba o que quer. Podemos começar?
- Como quiser.
- A partir deste momento não há mais volta. Assim que eu abrir este jogo ele permanecerá aqui pela Eternidade. Este oráculo estará aqui, no meio do nada, selado com a sua história pessoal, mas a tragédia é sua ilegibilidade para quem quer que se depare com ele. E assim será a sua trajetória, meu rapaz: ninguém saberá a sua origem e nem seus esforços, muitos poucos contemplarão sua obra. Você será conhecido apenas pelo que pode ser visto e esta é a maldição do homem. Mas assim sempre foi e ainda será por muito, portanto não se detenha com meros infortúnios. É o contraste que da visibilidade e a nitidez vem com o tempo. A vida te espera, não demoremos aqui.