quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Indigesto

 

A resposta indelicada é aquela que priva o interlocutor de pensar. Há perguntas que não devem ser respondias. Há diálogos que precisam ser monólogos internos. As explicações em excesso descreditam o incrível até torná-lo palatável. E há sabores que precisam ser descobertos por conta e risco. Algumas refeições precisam ser degustadas sem temperos. Sem talheres, talvez. Sem conversa... Nem tudo é para ser entendido, algumas coisas devem ser apreciadas. Tem gente que não sabe comer sozinho. E passa fome. Desnutrido de tudo, miojo, coisa pronta, paladar viciado. Há respostas que não se encontram nas prateleiras, nem tudo está ao alcance os olhos. É bom que assim seja. Às vezes vê-se demais e se enxerga tão pouco... melhor mesmo é sentir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários?